COMUNICAÇÃO DE APF

 

COMUNICAÇÃO DO AUTO DE PRISÃO EM FLAGRANTE VIRTUALIZADO AO MINISTÉRIO PÚBLICO.

A comunicação do auto de prisão em flagrante virtualizado ao Ministério Público ocorrerá da seguinte forma:

1- Com o APF já virtualizado e enviado à Justiça através do portal e-saj, imprime-se o número do protocolo (número do processo) e anexa-se ao e-mail (ver relação abaixo);

2- Através do e-mail da Delegacia, anexa-se os arquivos (auto de prisão em flagrante e comprovante de protocolo) e faz o envio dos documentos.

3- Imprime-se o comprovante de envio do e-mail e o anexe-se à via física, a qual deverá ficar guardada na Delegacia;

RELAÇÃO DE E-MAIL’S PARA CADA DELEGACIA:

FORTALEZA

COMUNICAÇÃO DO AUTO DE PRISÃO EM FLAGRANTE VIRTUALIZADO À DEFENSORIA PÚBLICA.

 

A comunicação do auto de prisão em flagrante virtualizado à ocorrerá da seguinte forma:

1- Com o APF já virtualizado e enviado à Justiça através do portal e-saj, imprime-se o número do protocolo (número do processo) e anexa-se ao e-mail:

(Fortaleza) nuappapf@defensoria.ce.def.br;

(Maracanaú) maracanauapf@defensoria.ce.def.br;

(Sobral) sobralapf@defensoria.ce.def.br;

(Caucaia) caucaiaapf@defensoria.ce.def.br;

(Juazeiro) juazeiroapf@defensoria.ce.def.br;

(Crato) cratoapf@defensoria.ce.def.br;

(Barbalha) barbalhaapf@defensoria.ce.def.br;

2- Através do e-mail da Delegacia, anexa-se os arquivos (auto de prisão em flagrante e comprovante de protocolo) e faz o envio dos documentos.

3- Imprime-se o comprovante de envio do e-mail e o anexe-se à via física, a qual deverá ficar guardada na Delegacia;